As 7 modelos plus size mais famosas do mundo

As 7 modelos plus size mais famosas do mundo

A moda plus size chegou para ficar e redefinir os padrões de beleza seguidos por mulheres de todo o mundo.
Se antes toda mulher tinha que se submeter ao padrão de magreza considerado belo, hoje cada vez mais mulheres aceitam seus corpos como são, com seus defeitos e qualidades, e vivendo suas vidas com muito mais autoconfiança.
Hoje vamos te mostrar as 7 modelos plus size mais famosas do mundo. Confira!
1 – Tess Holiday
Depois de encabeçar uma campanha em sua rede social
contra os padrões pré-estabelecidos de beleza Tess Holiday se tornou porta-voz do movimento de incentivo a autoconfiança sobre o corpo feminino.
A campanha surgiu da insatisfação da modelo com os comentários que recebia em suas fotos, dizendo que mulheres gordas não poderiam usar certos tipos de roupas, ou que deveriam se cobrir pois as pessoas não gostavam do que viam.
Hoje a modelo tem 33 anos e mais de 17 milhões de seguidores em sua conta do Instagram.
2 – Ashley Graham
Americana e com 30 anos, Ashley Graham é conhecida por ser fundadora do coletivo ALDA, que reúne modelos plus size com o objetivo de incentivar mulheres comuns a aceitarem seus corpos independente do número do manequim.
Ashley diz que quando chegou a Nova York acabou ganhando peso, principalmente por se achar feia. Essa visão só mudou depois de algum tempo após a leitura de um livro que funcionou como um estalo.
A partir desse estalo ela passou a gostar cada vez mais da sua própria imagem, ao mesmo tempo deixando de se preocupar com opiniões de outras pessoas.
O Instagram da modelo tem 7,9 milhões de seguidores que acompanham tudo que envolve seu trabalho.
3 – Yulia Ribakova
Os pontos turísticos da Rússia são conhecidos no mundo todo, mas as suas modelos plus size também vem chamando bastante atenção no mundo fashion.
Yulia Ribakova é a modelo plus size mais conhecida da Rússia, e vem recebendo cada vez mais assédio de grandes empresas do ramo de países como Estados Unidos e Inglaterra.
Apesar de ser reconhecida por milhares de mulheres por suas curvas fora do padrão de magreza imposto pela indústria da moda, sua relação com seu corpo nem sempre foi assim.
Antes de se aceitar como é, Yulia praticava as dietas mais extremas para perder alguns quilos, o que ficou mais difícil após o nascimento de seu filho, período em que a modelo afirma que odiava o seu próprio corpo, sentimento que foi se transformando em autoconfiança e amor próprio.
4 – Fluvia Lacerda
Mãe de 2 filhos, a modelo brasileira já está no mercado internacional há 15 anos,
Fluvia afirma que mesmo já tendo sido considerada a versão plus size da top Gisele Bundchen, ainda encontra fotógrafos que não acreditam no seu trabalho por ela não estar no padrão com que a maioria deles está acostumada.
Fluvia foi a primeira modelo plus size capa da Playboy, símbolo de sensualidade em todo o mundo por várias décadas.
5 – Ashley Alexiss
Com 27 anos a modelo americana que hoje é um símbolo de beleza das mulheres que se aceitam como são conta que durante a adolescência sofreu muito com o bullying, mas que com tempo conseguiu se aceitar como é.
Hoje ela tem sua própria linha de lingeries e biquínis confeccionados para todos os tipos de mulheres.
6 – Audrey Ritchie
O incentivo de um fotógrafo, então seu namorado, foi o ponto de partida da carreira de modelo de Audrey Ritchie, que chegou a estrelar uma campanha publicitária da linha de lingeries da cantora Rihanna, trabalho que aumentou bastante sua exposição, colocando-a como uma das modelos plus size mais famosas do mundo.
Não é à toa que mais de 140 mil pessoas seguem os passos da modelo Neo Zelandesa em sua conta do Instagram.
7 – Iskra Lawrence
Dona de sua própria marca de lingerie, colaboradora da revista Self e modelo da
American Eagle Outfitters, Iskra Lawrence é uma das modelos plus size mais ativas e reconhecidas atualmente.
A modelo inglesa já tem mais de 4 milhões de seguidores no Instagram onde divulga imagens do seu dia a dia e fotos de suas campanhas para empresas gigantes como a L’Oreal.
Conclusão
Os tempos onde todas as mulheres eram obrigadas a vestirem as mesmas roupas, usar os mesmos cortes de cabelo e terem os mesmos corpos ficaram para trás.
A moda plus size e suas modelos exibem para quem quiser ver sua beleza singular, que torna cada mulher algo único.

Não existem mais motivos para nenhuma mulher se sentir envergonhada por ter alguns
quilinhos a mais e usar uma roupa que seja de seu gosto. Se ame e seja você mesma, sempre.

Nenhum comentário